Tapuio Agropecuária terá 100% de galinhas fora de gaiolas até 2021 - Por dentro das Granjas - A Hora do Ovo

o site de notícias do mundo do ovo

Netto AlimentosVET IMPORTARTABAS

Por dentro das Granjas


publicidade
BOEHRINGER INGELHEIM
http://www.ahoradoovo.com.br/arquivos/img/2017/3/1185_3413_conteudo_g.jpg
Setenta por cento das aves da Tapuio são criadas livremente

 

Grandes redes de fast food já anunciaram que, dentro de alguns anos, só vão adquirir ovos de galinhas criadas fora de gaiolas. A medida visa atender a uma demanda de consumidores que buscam alimentos oriundos de animais criados livremente.

Na Tapuio Agropecuária, 70% do plantel de galinhas poedeiras já é criado livremente e, a expectativa, segundo Francisco Veloso, diretor executivo da empresa, é de que 100% das aves sejam criadas fora de gaiolas até 2021. A fazenda está localizada em Taipu, cidade a 65 quilômetros da capital Natal, no Rio Grande do Norte, e conta com mais de 100 mil aves, sendo pioneira na produção de ovos diferenciados. O carro-chefe da Tapuio são os ovos da marca Mr.Caipira, produzidos por galinhas criadas sobre o piso de areia, fora de gaiolas, que recebem alimentação vegetariana. “Todas as aves que produzem os ovos Mr.Caipira já são criadas livremente e, futuramente, as demais galinhas da fazenda que produzem os ovos das marcas Mr.Saúde e Mr.Ômega 3 também serão criadas fora de gaiolas”, destaca Veloso.

Atualmente, a Tapuio produz quase 2 milhões de ovos por mês, sendo que cerca de 1,5 milhão corresponde à produção de ovos caipiras, com qualidade conhecida, entre outras, pela coloração intensa da gema. 

http://www.ahoradoovo.com.br/arquivos/img/2017/3/1185_3411_conteudo_g.jpg
Forma de criação resulta em ovos diferenciados

Na Tapuio, a preservação do bem-estar das galinhas que produzem o ovo caipira se dá pelo fato das aves terem liberdade para ciscar, bater asas, empoleirar e tomar banho de areia. “As instalações oferecem amplo conforto e seguem controle sanitário rigoroso. As aves ficam soltas em piquetes para pastagem e postura em ninhos, com sombreamento e água. Há ainda um galpão aberto com aproximadamente 700 m2 de área reservada para suplemento alimentar à base de milho, calcário e farelos de trigo e soja. Cada galpão tem seis piquetes e comporta um lote de 12 mil aves”, conta Veloso.

Além dos ovos Mr.Caipira, a fazenda produz mais dois tipos: o Mr.Saúde, enriquecido com selênio e vitamina E - poderosos antioxidantes que aliados a uma dieta saudável auxiliam no combate a doenças cardiovasculares e na prevenção do envelhecimento da pele - e o Mr.Ômega 3, produzido por galinhas que recebem alimentação com linhaça e possui 16 vezes ômega 3 que um ovo tradicional.

Reconhecidos por serem saborosos, os ovos produzidos na Tapuio seguem rigorosos padrões de controle de qualidade e segurança, informa a assessoria de comunicação da empresa. A dose extra de nutrientes é adicionada diretamente na ração consumida pelas galinhas que produzem os ovos Mr. Ômega e Mr.Saúde e os componentes dos ovos são comprovados em análises realizadas pelo ITAL – Instituto de Tecnologia de Alimentos, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

Na avaliação de Veloso, tanto a questão do bem-estar animal quanto a qualidade diferenciada dos ovos que a Tapuio Agropecuária produz já têm amplo reconhecimento do consumidor, o que fez as vendas desses produtos crescerem 20% em 2016. 

http://www.ahoradoovo.com.br/arquivos/img/2017/3/1185_3410_conteudo_g.jpg
As aves ficam em atividade, no máximo, até 72 semanas

Na produção, o cuidado com as galinhas merece destaque. As aves são separadas de acordo com o tipo de ovo produzido e, assim que chegam à fazenda, já têm o seu tempo de produção definido. As galinhas ficam emprodução até, no máximo, 72 semanas e, depois, são retiradas da produção.

Os ovos coletados dos ninhos são levados para a sala de ovos, onde passam pelo processo de seleção e classificação, gerando os tipos industrial, pequeno, médio, grande, extra e jumbo, de acordo com normas do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Ainda nesse primeiro semestre a empresa planeja o lançamento de uma embalagem totalmente diferenciada com sete unidades destinada ao público infantil, que terá a marca Caipira Baby.

Os ovos produzidos na Tapuio Agropecuária são vendidos para supermercados, empórios, restaurantes e hotéis em todos os estados do nordeste: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Piauí, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Sergipe.

A Tapuio Agropecuária

A Tapuio Agropecuária atua no agronegócio desde 1991, contando com um área de quase 500 hectares, no município de Taipu, a 65 quilômetros de Natal.

A propriedade conta ainda com 1400 cabeças de búfalos, da raça murrah, que é de origem indiana e reconhecida pela fácil adaptação ao clima árido. Desses animais, mais de 450 são búfalas em lactação, que produzem 3.000 litros de leite por dia, que resultam em cerca de 20 toneladas de queijos por mês. A produção, em quase sua totalidade é voltada para o mercado nacional, com um portfólio extenso de produtos comercializados com a marca DiBufalo. Além disso, desde o início de 2016, a empresa exporta queijos de búfala para os Estados Unidos, sendo a única empresa brasileira a exportar esse produto, segundo informa a assessoria de comunicação da Tapuio.

Além das 100 mil aves que produzem ovos diferenciados, a empresa conta ainda com a produção de queijo à base de leite de vaca, comercializado com a marca Itaipi.

Na fazenda Tapuio são gerados 146 empregos diretos. Com faturamento de R$ 22 milhões em 2016. Os produtos da Tapuio Agropecuária são distribuídos para todos os estados do Nordeste e para o Distrito Federal. 

Mais informações pelo site da empresa: www.tapuio.com.br.

(A Hora do Ovo, com informações e fotos da assessoria de imprensa da Tapuio Agropecuária)

POSTE AQUI O SEU COMENTÁRIO




Exibir comentários

    Não há comentários!