A ABPA e os avanços em 2014 - Comentários e Opinião - Com a Palavra - A Hora do Ovo

o site de notícias do mundo do ovo

Netto AlimentosVET IMPORTARTABAS

Comentários e Opinião - Com a Palavra


publicidade
BOEHRINGER INGELHEIM
http://www.ahoradoovo.com.br/arquivos/img/2014/12/762_1825_conteudo_g.jpg
Francisco Turra: criação da ABPA foi um sucesso

A unificação da União Brasileira de Avicultura (UBABEF) e da Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (ABIPECS) em uma única entidade se consolidou como um sucesso.

Criada há menos de 8 meses, a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) já demonstrou que a fusão da representação da avicultura e da suinocultura em uma única entidade foi o melhor caminho para os setores produtivos brasileiros.

Dentre os avanços alcançados pela nova associação estão o acordo firmado com China para cooperação e intercâmbio técnico e de Mercado, juntamente com a habilitação de novas plantas.   

Ainda na Ásia, foi expressivo o crescimento dos embarques de carne suína e de aves para mercados como o Japão – que recebeu uma série de ações organizadas pela ABPA em parceria com a Agência Brasileira de Promoção das Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), como a Festa do Brasil (encontro temático) e a participação na Foodex Japan – ambas, em Tóquio.

 Também nas negociações internacionais, destacam-se o sucesso das negociações para expansão das exportações para a Rússia e a reabertura da África do Sul para a carne suína.  A renovação da cota de exportação de carne de frango para o México, juntamente com a viabilização de uma nova cota para exportação de carne de peru, se somam aos avanços externos trabalhados pela ABPA.

Desde sua criação, na área de promoção comercial, junto com as ações no Japão, a ABPA promoveu degustações, encontros empresariais, workshops e diversas outras iniciativas nos mais variados mercados, como França, Rússia, China, Taiwan, Malásia, Singapura, México e outros mercados.

Na Organização Mundial do Comércio (OMC), a ABPA prestou suporte ao Ministério das Relações Exteriores para o início das consultas para a abertura de um painel contra a Indonésia – mercado que, mesmo após dezenas de tentativas de negociações para a abertura, permanece fechado para a carne de frango brasileira.

Por fim, aproveitando a oportunidade de divulgação junto ao público estrangeiro presente durante a Copa do Mundo Fifa Brasil 2014, a ABPA realizou uma série de ações de divulgação e imagem dos produtos avícolas e suinícolas do Brasil, com a realização de conferências com jornalistas internacionais, distribuição de materiais promocionais e de camisetas e outros artigos para torcedores de outros países, e outros.  Ao mesmo tempo, buscando garantir a manutenção do status sanitário brasileiro, a entidade promoveu uma grande campanha de alerta com relação a visitas aos estabelecimentos produtivos, em especial, de visitantes provenientes de áreas afetadas por enfermidades como Influenza Aviária e Diarreia Suína Epidêmica (PED).

Francisco Turra é presidente executivo da ABPA - Associação Brasileira de Proteína Animal

POSTE AQUI O SEU COMENTÁRIO




Exibir comentários

    Não há comentários!